Página 2

A História de Nelson Cavaquinho (completo)

Nelson Cavaquinho, nome artístico de Nelson Antônio da Silva, (Rio de Janeiro, 29 de outubro de 1911 — Rio de Janeiro, 18 de fevereiro de 1986) foi um importante músico brasileiro. Sambista carioca, compositor e cavaquinista na juventude, na maturidade optou pelo violão, desenvolvendo um estilo inimitável de tocá-lo, utilizando apenas dois dedos da mão direita.

_______________________

Samba Riachão (completo)

Samba Riachão é um filme de 2001, dirigido por Jorge Alfredo, que narra a história do sambista conhecido como Riachão, que aparece como cronista, 80 anos, na capital baiana. Constitui-se num relato histórico da MPB.

_______________________

 Verdadeira Historia do Samba (completo)

Documentário de Janine Houard
Com: Martinho da Vila, Grande Othelo, Joel Rufino dos Santos, Tia Carmen, Pixinguinha, Zé da Velha, Fundo de Quintal, Candeia, Miguelzinho, Angela Maria, Velha Guarda da Portela, Wilson Moreira, Nelson Sargento, Rosinha de Valença e Paulo Moura.

_______________________

Velha Guarda da Portela – O Mistério do Samba (completo)

Na ocasião do trabalho de pesquisa de campo realizado por Marisa Monte nos idos de 1998 junto aos sambistas da Portela no bairro de Oswaldo Cruz, zona norte do Rio de Janeiro (RJ), para o repertório de seu CD “Tudo Azul”, a cantora percebeu que algo mais estava ali, naquele lugar, além dos cancioneiros inéditos os quais pretendia resgatar. Assim, ela chamou os diretores Lula Buarque de Hollanda e Carolina Jabor para registrarem esses encontros, com a intenção futura de gerar um filme que retratasse não apenas os bastidores de sua empreitada musical, mas algo muito mais precioso.

_______________________

Partido Alto (completo)

O documentário apresenta o partido-alto como um estilo livre de expressão e comunicação imediata, com versos simples e improvisados, de acordo com a inspiração de cada um – ao contrário do samba que estaria comprometido com o espetáculo.

_______________________

Na levada do choro  – Minas Gerais (completo)

O documentário retrata vários musicos e lugares do choro em Minas Gerais. Registra o encontro de diversas gerações de musicos de choro. Possui registros raros e depoimentos inéditos de importantes personagens que fazem parte da historia do choro em Belo Horizonte e algumas cidades de Minas Gerais.

_______________________

Um Choro Mineiro – Eterno Retonro (completo)

Dedicado a mestre Xisto Guiga

_________________________

Bezerra Da Silva – Onde a Coruja Dorme (completo)

Poucos sabem o segredo do sucesso de Bezerra da Silva: sua equipe de compositores — pedreiros, trocadores de ônibus, carteiros, técnicos de refrigeração e biscateiros em geral. Sambistas genuínos escolhidos a dedo por Bezerra.

_________________________

Neguinho da Beija-Flor, Quinho e Diogo Nogueira – Samba na Gamboa (completo)

Diogo Nogueira recebendo os puxadores de samba-enredo Neguinho da Beija-Flor e Quinho, que começou na União da Ilha e se afirmou no Salgueiro. Num encontro cheio de empolgação, eles mostram toda a sua evolução relembrando momentos marcantes de suas trajetórias pessoais e à frente dos microfones na Marquês de Sapucaí.

_______________________

Samba Carioca – Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil (completo)

o samba carioca, que se tornou Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil em 2007. A ideia é debater políticas públicas para salvaguardar suas formas de expressão: samba de terreiro, partido-alto e samba-enredo. Antes do debate, foi apresentado o documentário “Matrizes do Samba”, produzido pelo IPHAN – Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional.

_______________________

Página: 1 2 3 4 5 6 7

Confira a lista com todos os títulos

Anúncios

4 opiniões sobre “Página 2

  1. Sou afilhado do Sô Guiga. Ele era compadre do do papai da mamãe duas vezes, porque o meu irmão José Silvestre também era afilhado da dona Marcelina. Fomos vizinhos lá nos “PACAS”, Amparo do Serra-MG onde nasci e vive até 1951. Mudamos para um sítio na cidade de Itanhomi-MG, e em 1968 para São Paulo. Só voltei nos Pacas em 1990 e os Guigas já não moravam mais na região. Foi muito bom ver esse ótimo documentário, reportei-me á minha primeira infância.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s